Dicas eficazes de prevenção da obesidade

A prevenção da obesidade começa idealmente em tenra idade. É importante ajudar os jovens a manter um peso saudável sem se concentrar na balança. A obesidade é uma doença crônica que afeta crianças, adolescentes e adultos. As taxas de obesidade entre crianças nos Estados Unidos dobraram desde 1980 e triplicaram para os adolescentes. Cerca de 17% das crianças de 2 a 19 anos são consideradas obesas, em comparação com mais de 35% dos adultos considerados obesos. A obesidade coloca uma pessoa em alto risco de diabetes, pressão alta e doenças cardíacas. Quanto mais a pessoa é obesa, mais fatores de risco relacionados à obesidade se tornam. Dadas as doenças e condições crônicas associadas à obesidade, a prevenção da obesidade é extremamente importante.

Obesidade: por que está acontecendo

Embora seus genes desempenhem um papel no seu peso corporal, há outros fatores envolvidos. Em muitos lugares do mundo, principalmente nos Estados Unidos, temos muitos alimentos ricos em nutrientes para comer e fácil acesso a fast food e doces de engorda. Além disso, por causa de nossos estilos de vida modernos, não somos tão ativos quanto antes. O resultado final: estamos ingerindo mais calorias do que podemos queimar. Estar acima do peso ou obeso pode causar uma série de problemas de saúde, desde doenças cardíacas e diabetes a derrames e até alguns tipos de câncer. Essas doenças podem afetar seriamente a qualidade de vida de uma pessoa e levar à morte prematura.

As melhores dicas de prevenção da obesidade

Muitas dessas dicas de prevenção da obesidade são as mesmas para perder ou manter um peso saudável. O essencial é que comer uma dieta saudável e obter mais atividade física podem ajudar a prevenir a obesidade.

  • Exercite-se regularmente: você precisa de 150 a 300 minutos de atividade de intensidade moderada por semana para evitar ganho de peso. Atividades físicas moderadamente intensas incluem caminhada e natação rápidas.
  • Siga um plano de alimentação saudável: concentre-se em alimentos ricos em nutrientes e com baixas calorias, como frutas, legumes e grãos integrais. Evite gordura saturada e limite doces e álcool. Coma três refeições regulares por dia com lanches limitados. Você ainda pode desfrutar de pequenas quantidades de alimentos ricos em gordura e calorias como um tratamento pouco frequente.
  • Conheça e evite as armadilhas alimentares que fazem com que você coma: identifique situações que desencadeiam uma alimentação descontrolada. Depois de um tempo, você verá os padrões emergirem. Você pode planejar com antecedência e desenvolver estratégias para lidar com esses tipos de situações e manter o controle de seus comportamentos alimentares.
  • Monitore seu peso regularmente: as pessoas que se pesam pelo menos uma vez por semana são mais bem-sucedidas em evitar o excesso de peso. O monitoramento do seu peso pode indicar se seus esforços estão funcionando e ajudá-lo a detectar pequenos ganhos de peso antes que eles se tornem grandes problemas.
  • Seja consistente: seguir o seu plano de peso saudável durante a semana, nos fins de semana e entre férias e feriados, tanto quanto possível, aumenta suas chances de sucesso a longo prazo.

Por que a prevenção da obesidade é importante?

A prevenção da obesidade desempenha um papel importante na boa saúde. Como já dissemos antes, a obesidade está associada a condições crônicas de saúde, muitas das quais se tornam mais difíceis de tratar ao longo do tempo. Essas condições incluem:

  • Diabetes tipo 2.
  • Pressão alta.
  • Triglicerídeos altos e colesterol “bom” baixo.
  • Doença cardíaca.
  • Acidente vascular encefálico.
  • Apnéia do sono.
  • Problemas de saúde sexual.
  • Doença hepática gordurosa não alcoólica.
  • osteoartrite.
  • condições de saúde mental.

Ao focar na prevenção da obesidade e mudanças no estilo de vida, é possível retardar ou impedir o desenvolvimento dessas doenças. A prevenção da obesidade é extremamente vital. Mas para aqueles que já sofrem de obesidade, o tratamento está disponível. Clique abaixo para obter as informações.